Armadilhas Fotográficas para “Onça Branca” na Serra dos Órgãos

Pesquisadores pretendem conseguir recursos para reativarem “armadilhas fotográficas” para “Onça Branca”. Contudo, o animal foi visto pela primeira vez em 2013 no parque Nacional da Serra dos Órgãos (RJ).

Essas “armadilhas” irão registrar a presença do animal que segundo eles é uma onça parda com leucismo.

Veja também Unilever 

Armadilhas Fotográficas para “Onça Branca” Irão Favorecer as Pesquisas

Armadilhas Fotográficas para Onça BrancaOnça Parda com Leucismo – O Globo

A divulgação do primeiro registro da onça faz parte de um artigo científico que será publicado em 2019. Sendo assim, mais imagens podem enriquecer o documento.

Conforme as informações dos pesquisadores, a onça possui “leucismo é uma anomalia genética de coloração que atinge os pêlos dos animais”.

“Temos interesse em coletar uma mostra de sangue da onça-parda com a anomalia para fazer o estudo genético”, disse a bióloga Cecília Cronemberger.

Luan Gonçalves, doutor em biologia, considerou:

“O parque tem poucas armadilhas funcionais e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) está tentando recursos para dar início ao projeto de monitoramento do animal. Estamos buscando apoio de pesquisadores parceiros, ações voluntárias e da iniciativa privada”.

Ideias da fonte: portalmultiplix

Juliangela Pereira

Juliangela Pereira

Brasileira, casada, formada em Gestão de Recursos Humanos pela Faculdade Pitágoras BH. Atuo como redatora de conteúdo, levando a informação de forma rápida, clara e objetiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *