Comitiva da Guiné Equatorial é Presa com 16 Milhões em Joias e Dinheiro

Dessa vez não teve jeito, a polícia federal apreendeu cerca de 16 milhões em jóias e dinheiro, que estava sob posse da comitiva do Guiné Equatorial, no aeroporto de Campinas em São Paulo.

Os fiscais da Receita apreenderam em um avião cerca de US$ 1,5 milhão em espécie e uma grande quantidade de relógios de luxo cravejados de pedras, entre eles um modelo avaliado em US$ 3,5 mil.

O dinheiro não havia sido declarado ao fisco e foi apreendido na chegada da comitiva ao País, no aeroporto de Viracopos (SP). Agora a PF quer saber qual era o destino deste dinheiro e porque ele não foi declarado antes de sua entrada no país.

Comitiva da Guiné Equatorial é Presa com 16 Milhões

Agentes da PF e da Receita Federal apreenderam US$ 16 milhões em dólares e relógios de luxo em duas malas da delegação. Filho de ditador africano, vice-presidente deixou o Brasil neste domingo.

Portal G1 Notícias.

A comitiva de Teodorin foi abordada às 9h35 de sexta-feira. A aeronave Jumbo 777 desembarcou com 11 passageiros. Ele foi recepcionado e, por causa das prerrogativas do cargo, não foi inspecionado.

Em depoimento à PF, Akuben havia dito que Teodorin veio ao Brasil para um “tratamento médico e posteriormente seguiria para Cingapura em missão oficial” e os US$ 16 milhões estavam relacionados a isso.

Guiné Equatorial já teve Relações com Lula

O vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Mangue, que estava na comitiva do país que teve bagagens apreendidas no aeroporto de Viracopos, em Campinas, no sábado (15), já teve relações com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A Guiné Equatorial, oficialmente República da Guiné Equatorial, é um país da África Ocidental dividido em vários territórios descontínuos no Golfo da Guiné: um continental, Mbini (antiga colónia espanhola de Rio Muni), e outros insulares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *