Declaração Universal dos Direitos Humanos e Sua Origem

No dia 10 de dezembro de 2018, a Declaração universal dos Direitos Humanos completa 70 anos. Criada em 1948 após uma guerra mundial, propôs ao ser humano uma condições mais aceitáveis para viver.

Contudo, vemos que milhares de pessoas ainda vivem sem o que garante a declaração. Com isso, o Brasil ainda é o refúgio de estrangeiros que lutam por uma vida melhor.

Veja também Raquel Dodge

Declaração Universal dos Direitos Humanos e Em Uma Visão Geral

Declaração Universal dos Direitos Humanos70 anos da consolidação dos direitos humanos – domtotal

Os direitos humanos são garantias básicas para a sobrevivência de qualquer ser humano. Ela extingue qualquer tipo de descriminação. Como por exemplo por “cor, religião, nacionalidade, gênero, orientação sexual e política”.

Sendo assim, a ONU ( Organização das Nações Unidas) em 1948, reunião líderes de todas as nações para estabelecer algo que deveria garantir uma condição melhor para o ser humano.

De acordo com as literaturas, vemos os direitos humanos divididos em três aspectos:

Primeiro aspecto: “liberdade de escolha, de voz e de voto”;

Segundo aspecto: “direto à saúde e a educação”;

Terceiro aspecto: “direitos difusos, como direito à comunicação ampla e plural, ao meio ambiente e à preservação do patrimônio cultural”;

Ideias da fonte: Folhanobre

Juliangela Pereira

Juliangela Pereira

Brasileira, casada, formada em Gestão de Recursos Humanos pela Faculdade Pitágoras BH. Atuo como redatora de conteúdo, levando a informação de forma rápida, clara e objetiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *