Lula Pede União à Haddad na Reta Final das Eleições

Foi divulgada nesta quarta-feria (24) uma carta do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Na carta, ele pede união em torno do candidato a presidência Fernando Haddad (PT). E demostra preocupação a respeito da ” ameça fascista que” segundo ele “paira pelo Brasil”.

Em nenhum momento, Lula cita o nome do candidato opositor Bolsonaro (PSL), contudo, pede união dos democratas. E não só dos democratas, mas também dos que divergem do partido dos trabalhadores. Declarou ele: “Se há divergências entre nós, vamos enfrentá-las por meio do debate, do argumento, do voto. Não temos o direito de abandonar o pacto social da Constituição de 1988.”

Lula Tenta Fortalecer Haddad no Segundo Turno das Eleições

De Curitiba, onde está preso à seis meses, devido a Operação Lava Jato, o ex-presidente não apenas pede apoio para a candidatura de Haddad (PT) mas também faz declarações contra a impressa. “Foram horas e horas no Jornal Nacional e em todos os noticiários da Globo tentando dizer que a corrupção na Petrobras e no país teria sido inventada por nós”, declarou ele.

Em defesa da democracia, Lula escreve: “Neste momento em que uma ameaça fascista paira sobre o Brasil, quero chamar todos e todas que defendem a democracia a se juntar ao nosso povo mais sofrido, aos trabalhadores da cidade e do campo, à sociedade civil organizada, para defender o Estado Democrático de Direito”.

Candidato Haddad e ex-presidente Lula Candidato a presidência Haddad e ex-presidente Lula (PT) – portauguara.com

E completa que “Neste momento, acima de tudo está o futuro do país, da democracia e do nosso povo. É hora de votar em Fernando Haddad, que representa a sobrevivência do pacto democrático, sem medo e sem vacilações”.

Veja também Quem é Fernando Haddad do PT?

Na carta, Lula ainda defende seu legado e que devido interesses, o governo tenta “reconstruir a história” e destruir o PT com difamações. Mas que acredita que a população confia no partido.

Lula pretendia se eleger a presidente do Brasil e chegou ao primeiro lugar nas pesquisas de intenção de voto. Contudo, teve o seu registro negado pelo Tribunal Superior Eleitoral, devido a Lei da Ficha Limpa.

Juliangela Pereira

Juliangela Pereira

Brasileira, casada, formada em Gestão de Recursos Humanos pela Faculdade Pitágoras BH. Atuo como redatora de conteúdo, levando a informação de forma rápida, clara e objetiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *