Reajuste Ministros do STF: Fux Fala de Medida Para Diminuir Impactos

Durante entrevista nesta segunda-feira (12) o ministro Luiz Fux do STF falou sobre medidas que envolvem o reajuste ministros do STF.

Conforme ele, se o aumento for aprovado, os ministros não receberão mais o auxilio moradia que é pago hoje.

Veja também Abaixo Assinado 

Reajuste Ministros do STF e os Impactos Financeiros

Reajuste Ministros do STFFux e o Reajuste dos Ministros do STF – Correio da Amazônia

O projeto que promove um reajuste salarial de 16,38% para os ministros do STF está em processo de aprovação. Mesmo sendo avaliado pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro PSL, como “preocupante” para economia.

Contudo, a proposta foi aprovada na semana passada pelo senado e aguarda as próximas sanções. Resumidamente, o reajuste contempla uma alteração salarial de R$33 mil para R$39 mil.

Por isso, procurando medidas para minimizar impactos que esta aprovação pode gerar, Fux afirmou:

“Os juízes não receberão cumulativamente recomposição e auxílio-moradia. Tão logo implementada a recomposição, o auxílio cairá”.

Conforme acordo entre o STF e o Palácio do Planalto.

Ideias da fonte: G1

Juliangela Pereira

Juliangela Pereira

Brasileira, casada, formada em Gestão de Recursos Humanos pela Faculdade Pitágoras BH. Atuo como redatora de conteúdo, levando a informação de forma rápida, clara e objetiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *